Papo de Bar

menu
Topo
Papo de Bar

Papo de Bar

4 bares de hotel para beber bons coquetéis em São Paulo

Marcelo Sant'Iago

2020-02-20T19:15:16

20/02/2019 15h16

Na lista dos 50 melhores bares do mundo, 4 das 5 primeiras posições estão em hotéis. Resolvi então listar, em ordem alfabética, 4 bons bares de hotel para turistas e locais apreciarem coquetelaria de alta qualidade em São Paulo.

BURLE BAR

Early Bird no Burle Bar

Elegantíssimo bar do não menos sofisticado Palácio Tangará, no Parque Burle Marx. O bartender Gustavo Rômulo venceu a etapa brasileira da competição organizada pela International Bartenders Association e irá disputar a final mundial na China este ano ainda. Os preços são salgados, mas há excelentes opções: comece com um Early Bird, delicioso rum sour que é assinatura da casa. O Gaspari Manhattan, com scotch, também é uma ótima pedida.

D.O.T. (Drinks & Other Things)

Cubed Old Fashioned por Ricardo Bassetto, no DOT

No lobby do Sheraton Hotel, na região da Berrini e dentro do complexo do WTC. Muito frequentado pelo pessoal que está nos eventos que acontecem por ali. Nas semanas em que há campeonato de pôquer no hotel, o bar lota até a alta madrugada. Ricardo Basseto, chefe do bar, venceu a edição brasileira do Tennessee Calling 2018, campeonato da tradicional marca Jack Daniel's. A carta tem belos drinks autorais e clássicos bem executados, como White Lady e Sazerac. Basseto faz um excelente Old Fashioned: não deixe de experimentar o Rum Old Fashioned e o Cubed Old Fashioned, versão com bourbon, conhaque e rum envelhecido.

FRANK BAR

A Dog Named Daiquiri, por Spencer Amereno Jr., no Frank Bar. Foto Leo Feltran

No lobby do tradicional Maksoud Plaza está o balcão de Spencer Amereno Jr., um dos mais talentosos e respeitados bartenders do Brasil. Spencer e o bar acumulam prêmios de melhor bar/bartender do ano. Além disso, o Frank é hoje um dos únicos 3 bares do Brasil a estar entre os 100 melhores do mundo (na posição 86). A carta conta com versões revisitadas de clássicos esquecidos e autorais extremamente bem elaborados. Comece com A Dog Named Daiquiri (rum, umbu, limão e abacaxi). Depois vá de Golden Heat, Algonquin…

SEEN

Liffey, por Heitor Marin, no Seen. Foto de Leo Feltran

No vigésimo terceiro andar do Tivoli Mofarrej, na região da Avenida Paulista, e com uma vista incrível, está o mais cosmopolita dos bares de hotel da cidade. Heitor Marin comanda a equipe de bartenders do Seen, que trabalha em um enorme balcão que ocupa o centro do salão. Um DJ anima o ambiente, que conta também com restaurante e balcão de sushi (além de brunch aos domingos). Mas foco nos drinks: vá de Liffey, criação de Heitor que leva Jameson Irish Whiskey, Campari, Aperol, vermute doce, orange bitters e defumado com madeira de jatobá.

Saúde!

Siga me no Instagram @marcelosant_iago

Sobre o autor

Marcelo Sant'Iago é publicitário e editor no Brasil do Difford's Guide, maior site de receitas de coquetel do mundo. Fã das Aventuras de Tintim, passa boa parte do ano visitando os melhores bares e eventos no exterior, em busca de novidades e tendências que possam ser compartilhadas para trazer aprimoramento ao mercado brasileiro de coquetelaria. Recentemente foi homenageado com um drinque no Sub Astor, o Sant'Iago Fashioned. Ele é colaborador de revistas, consultor e o único brasileiro a fazer parte do Drink Tank, primeira rede global de inteligência voltada para a indústria de bebidas.

Sobre o blog

Pense no balcão do seu bar favorito, aonde você toma bons drinques, conhece pessoas interessantes, conta casos, aprende sobre coquetelaria com bartenders e descobre novos bares para o próximo gole. Saúde!